Mães protestam contra fim de convênio com creches

Bárbara Souza - O Estado de S.Paulo

Cerca de 50 mães que têm filhos matriculados na creche Girassol, na Avenida Pacaembu, na zona oeste de São Paulo, protestaram ontem em frente à Secretaria Municipal da Educação contra problemas na administração da unidade. Elas temiam que os filhos ficassem sem atendimento depois da rescisão do convênio entre a Prefeitura e o Grupo Assistencial São Januário, responsável pela gestão de outras seis unidades. Com o fim do contrato, duas unidades vão ficar sem atendimento até o dia 11. As outras cinco, entre elas a Girassol, continuarão sendo atendidas até o dia 22 pela São Januário, até que a Prefeitura faça novos convênios.