Genealogia explica origem de câncer raro

NYT - O Estado de S.Paulo

Um estudo da Universidade de Utah, nos EUA, desvendou a origem de um raro tipo de câncer no cólon por meio da genealogia. Foi descoberto que a mutação causadora da doença surgiu pela primeira vez em um casal inglês que imigrou para os EUA entre 1624 e 1640 e a transmitiu para outras 16 gerações. Os pesquisadores encontraram 500 descendentes, que correm o risco de desenvolver o câncer. A descoberta permite fazer o diagnóstico e a prevenção da doença.