Estudo não vê vantagem em tratamento de adulto gripado

FABIANE LEITE e EDUARDO KATTAH - O Estado de S.Paulo

Uma revisão de estudos publicada na edição mais recente da revista científica The Lancet Infectious Diseases aponta que não vale a pena governos investirem no tratamento de adultos saudáveis vítimas da gripe sazonal com os antivirais oseltamivir (Tamiflu) e zanamivir (Relenza). De acordo com o trabalho, aplicar recursos na vacinação dessa população seria mais barato e efetivo. Não houve conclusão sobre o efeito das drogas contra complicações.

O analista de sistema foi internado com sintomas da gripe suína no dia 29 de junho, junto com a mulher, Isabel. Ela não desenvolveu sintomas da doença e uma semana depois recebeu alta. O estado de saúde de Rodrigo, contudo, agravou-se. Ele enfrentou pneumonias viral e bacteriana, insuficiência renal e infecção generalizada. Durante o tratamento, foi medicado com antivirais e antibióticos.