Egito anuncia segunda morte por gripe aviária

- O Estado de S.Paulo

Uma mulher de 25 anos morreu ontem de gripe aviária no Egito, após contrair a doença de frangos, segundo o Ministério da Saúde local. Foi o terceiro caso e a segunda morte registrada no país em menos de uma semana. A vítima, Fatima Mohammed, vivia em Daqahliya, uma província no delta do Nilo. O Egito é um dos países mais afetados pela doença fora da Ásia, onde a epidemia começou em 2003.AP