Dor nas costas: a importância do tratamento adequado

- O Estado de S.Paulo

Nos casos de lesão crônica na região da coluna, radiologista diz que exercícios físicos funcionais, como fortalecimento da musculatura nas regiões lombar e abdominal podem diminuir as dores

Estima-se que 85% da população mundial sofrerá com dores nas costas pelo menos uma vez na vida

Estima-se que 85% da população mundial sofrerá com dores nas costas pelo menos uma vez na vida Foto: Christian Bucad/ Creative Commons

Estima-se que 85% da população mundial sofrerá com dores nas costas pelo menos uma vez na vida. Para os praticantes de atividades físicas, as chances de ter uma debilidade por conta de dores lombares também são altas. No caso dos atletas, entretanto, é mais importante ainda que o tratamento seja feito corretamente, pois as chances de agravar a lesão com a atividade física são grandes.

O médico radiologista especializado em ortopedia esportiva e chefe de diagnósticos no Hospital do Coração (HCor), Abdalla Skaf, comenta em entrevista ao programa Rota Saudável, da Rádio Estadão, sobre o tema. De acordo com o ele, a pessoa que sentir dor nas costas deve procurar um especialista imediatamente. “O profissional irá realizar um exame físico primeiramente. Se este não for suficiente para diagnosticar a real causa do problema, sugere-se uma série de testes complementares, como a radiografia, ou, em casos mais extremos, ressonâncias magnéticas e tomografias”, explica.

Para praticantes de atividade física, o médico ressalta que as causas das lesões podem ser das mais diversas, como estiramentos musculares na região da coluna, por exemplo. “Em vários casos, será orientado que o paciente interrompa o esforço. Então, o lesionado terá de tratar seu problema com fisioterapia ou medicamentos”, informa Skaf.

Nos casos de lesão crônica na região da coluna, o radiologista observa que exercícios físicos funcionais, como fortalecimento da musculatura nas regiões lombar e abdominal podem diminuir as dores. “Pode ser importante, desde que não envolva impactos ou sobrepesos. Os que podem ajudar são musculação, pilates, RPG, entre outros. Se a atividade for mal escolhida, você apenas aumentaria o problema”, alerta.

Muitos imaginam que, para aliviar qualquer lesão, a aplicação de bolsas de gelo é indicada. Entretanto, Skaf aponta que, no caso de contraturas na região lombar, o tratamento recomendado é justamente o contrário. “O gelo é um analgésico natural quando se tem uma pancada ou problema em uma articulação. No caso da lesão muscular próxima à coluna vertebral, o que alivia a dor é o calor”, revela.

Para pacientes já diagnosticados com hérnia de disco, o especialista avalia que a cirurgia deve ser considerada apenas quando já se esgotaram os tratamentos primários da doença. “Os mesmos exercícios funcionais são recomendados, com muita fisioterapia e eventual aplicação de medicamentos. Somente então, se comprovada a necessidade, encaminhamos para a intervenção cirúrgica”, complementa Skaf.

Treinamento funcional. É um circuito de exercícios que alternam saltos e agachamentos feitos com materiais como minitrampolim, medicine ball, kettlebell, bola suíça, plataformas de equilíbrio, elásticos e barreiras. Frequentar as aulas significa conquistar músculos tonificados e alongados, além dos benefícios ao equilíbrio e à postura corporal. Em alguns casos, o treinamento funcional é recomendado para tratar dores e lesões.

Para saber mais sobre o treinamento funcional, ouça a entrevista do preparador físico Aullus Selmer à Rádio Estadão.