D. Orani transfere pastorais

Felipe Werneck - O Estado de S.Paulo

O novo arcebispo do Rio, d. Orani João Tempesta, decidiu levar de volta para o prédio da Arquidiocese, na Glória, zona sul, as pastorais sociais da Igreja. A sala que elas ocupavam havia sido esvaziada e alugada para o Banco Bradesco na gestão do cardeal d. Eusébio Oscar Scheid, que deixou o cargo em abril. "Os pobres tem de ter seu lugar aqui", disse ao Estado o monsenhor Abílio Ferreira da Nova, ecônomo da instituição desde sexta-feira. Agora, pastorais como a de Favelas, a do Menor e a do Trabalhador vão ocupar o terceiro andar inteiro do prédio, que está vazio. Na administração anterior, afirma Abílio, havia planos de alugar também essa sala. A agência João Paulo II do Bradesco (0814-1) continuará funcionando ao lado da recepção da Arquidiocese, na Rua Benjamin Constant n.º 23.