Conselho mantém proteção em restinga

- O Estado de S.Paulo

O Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama) desistiu de votar ontem uma resolução que retirava a proteção permanente das áreas de restinga no País - o que beneficiaria o setor hoteleiro interessado em lotes perto da praia. Ambientalistas e o Ministério Público Federal afirmam que a medida causaria riscos à Mata Atlântica. O ministro Carlos Minc (Meio Ambiente) diz ter visto problemas no texto e a proposta voltará para análise das câmaras técnicas do Conama.