Comedida

- O Estado de S.Paulo

Marina Mantega, filha do ministro do Planejamento Guido Mantega, trabalha no mercado financeiro e diz que, desde pequena, a mãe já chamava a sua atenção pelos sapatos de salto que usava para ir à escola. "Já era meio peruinha!" Com 1,70 metro de altura, ela conta que gostaria de ter nascido com mais alguns centímetros, daí a paixão por belos escarpins, sandálias e botas com 7 cm e 8 cm. "A postura fica elegante, sensual e, com certeza, atrai olhares. Mas é preciso saber andar, senão o efeito é contrário." Apesar de gostar do acessório, fala que não é uma consumidora voraz, porque, nessas horas, nem o pai famoso nem a mãe pagam suas contas, mas sim ela própria, com o seu salário. Escolhe os exemplares a dedo, como os das marcas Schultz, Salvatore Ferragamo, Daslu, Chanel, Marc Jacobs, Louis Vuitton.