Clipe no Pelourinho destacou o Olodum

Tiago Décimo - O Estado de S.Paulo

Sob a direção de Spike Lee, banda baiana gravou canção, em 1996

A banda Olodum prestou, entre o fim da manhã e a tarde de ontem, uma homenagem a Michael Jackson, em Salvador. No Largo do Pelourinho, onde o americano gravou com o grupo parte do clipe da música They Don''t Care About Us, em fevereiro de 1996, 30 músicos da banda se reuniram para tocar para quem passasse. "Estamos celebrando a vida dele, não lamentando a morte", avisou o músico Bira Jackson, de 37 anos. Bira foi uma das estrelas do clipe. No vídeo, ele é o percussionista que aparece constantemente atrás do cantor, de bermuda azul, camiseta branca e colete, muitas vezes com o tambor erguido sobre a cabeça - gesto que acabou virando sua marca registrada. "Ele mudou tudo na minha vida, até meu nome." Na época, o músico era conhecido como Bira Bad-Boy, por causa dos penteados diferentes que fazia (e continua fazendo). Daquele dia em diante, Ubiraci Ribeiro do Rosário virou Bira Jackson. "Fiquei conhecido no mundo inteiro, assim como o Olodum. Estamos todos chorando." Quem também apareceu bastante no clipe, do lado de Bira, foi o músico Neguinho do Samba. Na época, aos 40 anos, ele era o maestro do Olodum - hoje, comanda a Banda Didá, que também tem sede no Pelourinho. É dele o arranjo musical dos tambores de They Don''t Care About Us. "Foi um prazer trabalhar com um artista tão fantástico", afirma. "Apesar de tudo o que dizem, ele era um cara simples." O presidente do Olodum, João Jorge Rodrigues, lembra da surpresa que a banda teve quando foi contatada pela produção do diretor Spike Lee, responsável pelo clipe. "Tínhamos conhecido ele em 1990, em Nova York, depois de um show com Paul Simon", lembra. "A gente o convidou para conhecer Salvador e, seis anos depois, ele liga para dizer que estava vindo, para gravar com o Michael Jackson, acredita?"