Caixa recebe duas exposições para discutir relação das paisagens urbanas com a arte

- O Estado de S.Paulo

Giselle Beiguelman e Thiago Navas exploram cicatrizes urbanas e memória afetiva das cidades

Thiago Navas usa imagens antigas de São Paulo

Thiago Navas usa imagens antigas de São Paulo Foto: Divulgação

O espaço urbano entra em pauta com duas exposições gratuitas na Caixa Cultural São Paulo, a partir deste sábado, 16. De um lado, a artista e pesquisadora Giselle Beiguelman tem sua produção revisitada com 'Cinema Lascado', que discute as fraturas das paisagens urbanas causadas por intervenções como vias elevadas no Brasil. Do outro, o artista Thiago Navas reúne mais de 40 obras sobre a valorização e manutenção do patrimônio histórico paulistano.

Em 'Cinema Lascado', o curador Eder Chiodetto selecionou videoinstalações, projeções e 22 imagens inéditas sobre paisagens urbanas arruinadas, dentro da pesquisa de Giselle sobre imagem digital, que utiliza softwares, ferramentas e aparatos eletrônicos de várias gerações. São retratados, por exemplo, o Elevado João Goulart, conhecido como Minhocão, em São Paulo, e a extinta Perimetral, na área portuária do Rio de Janeiro.

Na exposição, há um paralelo entre as cidades e o consumo de tecnologia. Com uma câmera de vídeo, a artista captou paisagens devastadas, acrescentando efeitos hoje obsoletos. Com um celular, ela também fez uma filmagem da ponte área entre os aeroportos de Congonhas e Santos Dumont. Giselle Beiguelman ainda faz uma homenagem ao cineasta Michalangelo Antonioni e ao filme 'Deserto Rosso' (1964), seu primeiro filme fotografado em cores, discutindo como os equipamentos digitais são descartáveis hoje.

Giselle Beiguelman faz intervenções sobre cicratizes urbanas no Rio e em SP

Giselle Beiguelman faz intervenções sobre cicratizes urbanas no Rio e em SP Foto: Divulgação

Thiago Navas traz à Caixa a exposição 'Apagamentos', que busca reaproximar as pessoas à cidade. A mostra tem desenhos inéditos, instalação interativa e um painel de fotografias a ser construído junto com o público. Na abertura da exposição, Thiago Navas e Paulo Gallina, o curador da exposição, irão fazer uma visita guiada junto aos visitantes.

Navas trabalha com imagens antigas, relacionando as mudanças da cidade com a forma com que a população se apropria dela. Em 20 de agosto, às 16h, será lançado um catálogo e haverá debate com convidados para discutir a valorização, a vivacidade e o uso dos patrimônios cultural, material e imaterial pelos cidadãos.

Serviço

Exposição 'Cinema Lascado, de Giselle Beiguelman'

De 16 de julho a 25 de setembro de 2016 (terça-feira a domingo, das 9h às 19h)

Exposição 'Apagamentos'

De 16 de julho a 25 de setembro de 2016 (terça-feira a domingo, das 9h às 19h)

Caixa Cultural

Praça da Sé, 111 - Centro

Peça da exposição de Navas

Peça da exposição de Navas Foto: