Bienal de Veneza faz homenagem a brasileira

- O Estado de S.Paulo

Em cerimônia com a presença do presidente da Itália, Giorgio Napolitano, foram entregues ontem os prêmios Leão de Ouro da 53ª Bienal de Arte de Veneza concedidos e já anunciados antes para a artista japonesa Yoko Ono e para o americano John Baldessari por suas carreiras. Na ocasião, a artista brasileira Lygia Pape (1927-2004) foi homenageada com uma menção honrosa da premiação desta edição da bienal, que será inaugurada hoje para o público e na qual ela tem duas obras de destaque.