Bento XVI condena fecundação in vitro

Efe - O Estado de S.Paulo

Bento XVI afirmou ontem que a fecundação in vitro e a pesquisa com células-tronco embrionárias ferem a dignidade humana, em discurso aos membros da Congregação para a Doutrina da Fé. O papa acrescentou que, embora "a Igreja não possa e não deva intervir nas novidades científicas", tem "o dever de reiterar os grandes valores".