Bactéria daria pistas sobre vida em outros mundos

Efe, WASHINGTON - O Estado de S.Paulo

Uma bactéria achada sob o gelo da Groenlândia abrigaria a chave sobre formas de vida em outros planetas, afirma estudo publicado na revista International Journal of Systematic and Evolutionary Microbiology. Segundo os autores, da Universidade da Pensilvânia, o micróbio Herminiimonas glaciei sobreviveu em estado dormente sob o gelo durante 120 mil anos, em ambiente similar ao de outros planetas. O grupo liderado pela bióloga Jennifer Curtze reviveu a bactéria incubando suas amostras a 2°C por sete meses e depois a 5°C por quatro meses. A H. glaciei é pequena (tem até 2% do tamanho da bactéria que causa a gastroenterite) e isso a ajudou a sobreviver nos líquidos entre cristais de gelo a mais de 3 quilômetros de profundidade. Segundo o estudo, a maior parte da vida na Terra consiste de micro-organismos e seria razoável pensar que isto também ocorre em outros planetas. A análise dessa bactéria pode oferecer pistas acerca das formas de vida em outros lugares do Sistema Solar.