Aula adiada por gripe será reposta

EVANDRO FADEL - O Estado de S.Paulo

O Conselho Nacional de Educação aprovou ontem parecer que determina que as escolas cumpram a Lei de Diretrizes e Bases, que estabelece 200 dias letivos por ano. A discussão sobre o cumprimento da legislação se deu pelo adiamento da volta às aulas em agosto por causa da gripe suína. A decisão do CNE se sobrepõe às dos conselhos estaduais.

Ontem, o Ministério da Saúde divulgou a terceira queda consecutiva dos números da gripe e confirmou que a transmissão e os casos graves estão em queda. O País continua com o maior número absoluto de mortes no mundo (657).