Anvisa libera venda do Contracep

- O Estado de S.Paulo

A Anvisa liberou ontem a venda do anticoncepcional injetável Contracep, interditado desde 9 novembro em todo o País por inconformidade de aspecto e quantidade do princípio ativo. Testes em cinco laboratórios autorizados não confirmaram as irregularidades constatadas nos exames realizados pelo Instituto Adolfo Lutz, ligado à secretaria de Saúde de SP - que reafirma, porém, ter encontrado falhas no processo de produção do Contracep.