Abertas as inscrições para o 19º curso Estado

- O Estado de S.Paulo

Jornalistas formados em 2006 e 2007 e estudantes de jornalismo que concluem o curso neste ano podem se inscrever a partir de hoje para o 19º Curso Intensivo de Jornalismo Aplicado do Grupo Estado. O curso será realizado, em São Paulo, entre 1º de setembro e 5 de dezembro.As fichas de inscrição publicadas pelo Estado e pelo Jornal da Tarde podem ser encontradas também na internet (http://www.estadao.com.br/talentos). Instituído em 1990, o programa é o primeiro do gênero reconhecido como extensão universitária em jornalismo impresso pela Universidade de Navarra/Espanha.Durante três meses, os jovens aprovados no processo de seleção têm aulas pela manhã e passam o resto do dia nas diversas áreas da empresa, principalmente a redação. No final do curso, patrocinado por Odebrecht, Philip Morris, Santander e Vivo, os novos profissionais integram o Banco Estado de Talentos, colocado à disposição do mercado. A maior parte deles atua hoje em grandes empresas de comunicação. Além das 30 vagas oferecidas a brasileiros, há cinco postos adicionais colocados a disposição de universidades do exterior.SELEÇÃOCerca de 3 mil candidatos participam, anualmente, do processo de seleção para o Curso Intensivo de Jornalismo Aplicado. Vários deles procedem de outros Estados e todos se reunirão, dia 3 de agosto, às 9 horas, para a prova escrita no câmpus Vergueiro da Unip (Rua Apeninos, 267). A prova, elaborada pelos editores do Estado, traz questões de conhecimentos gerais e atualidades e um texto jornalístico, que deve ser redigido a partir de informações fornecidas pela prova. O exame seleciona 60 pré-classificados. Eles serão convocados para entrevistas pessoais nos dias 19, 20 e 21 de agosto. A entrevista indica os 30 aprovados para o curso.Dividido em três blocos (informação prática, informação técnica e informação geral), o Curso Intensivo de Jornalismo Aplicado agrega, desde o seu início, experientes profissionais do Brasil e do exterior. Já participaram dele, como professores visitantes, mestres de universidades da Europa e dos Estados Unidos e jornalistas do New York Times, Los Angeles Times, USA Today, Ansa e Reuters.No bloco de informação prática, os novos profissionais simulam todas as etapas da produção jornalística, sempre acompanhados por editores do Estado. Na área de informação técnica, eles têm contato com experientes profissionais e, no bloco de informação geral, além de aulas de Ética, Economia, Política e Filosofia voltadas especificamente para o jornalismo, recebem detalhes sobre as operações de uma grande empresa de comunicações, desde a produção gráfica até a administração e mercado.