A psoríase tem cura?

- O Estado de S.Paulo

Dermatologia

Psoríase é uma doença inflamatória, de causa desconhecida, caracterizada por manchas vermelhas recobertas por placas esbranquiçadas que descamam. Estas manchas costumam aparecer nos cotovelos, joelhos, na região sacral, no tronco e couro cabeludo. Em alguns casos, existe acometimento das dobras, das unhas, das mucosas e das articulações. Não tem cura e o objetivo do tratamento é controlar a doença. Para as formas leves e moderadas são utilizados emolientes, derivados de alcatrão, calcitriol, calcipotriol, corticóides. Também são utilizados imunomoduladores tópicos e fototerapia (banho de luz ultravioleta A e ultravioleta B). Outras formas de fototerapia, como a terapia fotodinâmica, vêm sendo estudados. Nos casos mais graves os medicamentos mais utilizados são: metothrexate, ciclosporina e acitretin. Nos casos que não respondem a essas medicações, são utilizados terapêuticos biológicos tais como: infliximab, eternacept e alefacept. *DERMATOLOGISTA DO HIAE Esta coluna é uma parceria do Jornal da Tarde com o Hospital Albert Einstein (Av. Albert Einstein, 627/701, Morumbi. Tel.: 3747-1233)