Vin Diesel convida The Rock para voltar ao elenco de ‘Velozes e Furiosos 10’

Redação - O Estado de S.Paulo

Artistas tinham se desentendido em 2016 e Dwayne Johnson deixou o filme em 2017

Vin Diesel e The Rock em 'Velozes e Furiosos 6'

Vin Diesel e The Rock em 'Velozes e Furiosos 6' Foto: Universal

Com o intuito de acabar com a rivalidade, Vin Diesel pediu que Dwayne Johnson voltasse para o filme Velozes e Furiosos 10. O ator compartilhou o convite nas redes sociais neste domingo, 7. 

“Meu irmão mais novo, Dwayne, chegou a hora. O mundo aguarda o final do Velozes e Furiosos 10. Como você sabe, meus filhos se referem a você como tio Dwayne em minha casa”, iniciou.

“Não há feriado que passe que eles e você não mandem felicidades, mas chegou a hora. O legado o aguarda. Eu disse a você anos atrás que iria cumprir minha promessa a Pablo. Jurei que atingiríamos o melhor na final!”, escreveu. 

 

 

“Digo isso por amor, mas você tem que aparecer, não deixe a franquia ociosa, você tem um papel muito importante a cumprir. Hobbs não pode ser tocado por nenhum outro. Espero que você esteja à altura da ocasião e cumpra seu destino”, finalizou.

Até o momento, The Rock não se pronunciou sobre o assunto. No entanto, o pedido de Vin Diesel veio pouco tempo após Dwayne revelar que não retornaria para Velozes e Furiosos. Em entrevista à The Hollywood Reporter, The Rock disse ter rido ao ouvir os comentários de Vin sobre a relação deles nos bastidores. 

“Eu ri e ri muito. Acho que todos riram daquilo. Vou deixar por isso mesmo”, comentou. “Eu lhes desejo felicidades em 'Velozes 9’. E eu lhes desejo muita sorte em ‘Velozes 10’, em ‘Velozes 11’, e em todos os filmes do ‘Velozes e Furiosos’ que serão sem mim”, acrescentou.

 

 

Entenda o caso

The Rock interpretou o agente federal Luke Hobbs no quinto filme da série, lançado em 2011, e atuou até o oitavo episódio da franquia, antes de lançar seu próprio spin-off, Velozes e Furiosos: Hobbs e Shaw.

A rivalidade entre The Rock e Vin Diesel virou pública em 2016, durante as semanas finais das filmagens do oitavo filme, lançado em 2017. Na época, Johnson postou uma foto em sua conta no Instagram, com uma mensagem crítica a colegas de filmagem. 

Na época, Dwayne afirmou que alguns não eram profissionais dentro do ambiente de gravações. Mesmo que o artista não tenha citado qualquer nome, a mídia especulou que ele estaria se referindo ao intérprete de Toretto, pois surgiram rumores de que Vin estaria chegando atrasado no set. 

Recentemente, em entrevista à Vanity Fair, Johnson revelou que a briga com o ex-colega de elenco ficou no passado. "Bem, houve uma reunião. Eu não chamaria de uma reunião pacífica. Eu diria que foi uma reunião de clareza”, afirmou. “Ele e eu tivemos uma boa conversa no meu trailer e foi nessa conversa que realmente ficou claro que somos dois extremos distintos do espectro. E concordamos em deixar assim mesmo”, disse.