Valéria Zopello relembra 26 anos da morte de Dinho, do Mamonas Assassinas

Redação - O Estado de S. Paulo

Em publicação no Instagram, a ex-namorada de Dinho escreveu: 'Vinte e seis anos de saudade'

Valeria Zopello usou o Instagram para relembrar 26 anos da morte de Dinho, do Mamonas Assassinas.

Valeria Zopello usou o Instagram para relembrar 26 anos da morte de Dinho, do Mamonas Assassinas. Foto: Instagram/@valeriazopello

Nesta quarta-feira, 2, Valéria Zopello usou o Instagram para relembrar os 26 anos da morte do ex-namorado Dinho, que morreu em um acidente de avião junto com os outros integrantes do grupo Mamonas Assassinas.

Na publicação, ela disse que saudade e amor são eternos: "Vinte e seis anos de saudades. Amor eterno. Luz e amor". Valéria se dedica a fotografia e compartilha um pouco da vida com os mais de 67 mil seguidores. 

Na publicação, seguidores da fotógrafa deixaram carinho em forma de comentário. "O amor de vocês é tão lindo e forte, é eterno assim como a alegria que eles espalharam", escreveu uma seguidora. "Certeza que ele tem muito orgulho de você", declarou um fã clube da banda. 

Os integrantes do grupo Mamonas Assassinas morreram no dia 2 de março de 1996. Dinho, Bento Hinoto, Samuel Reoli, Júlio Rasec e Sérgio Reoli foram vítimas de um acidente aéreo fatal sobre a Serra da Cantareira, em São Paulo. Em um ano e meio de sucesso, a banda emplacou hits como Pelados em Santos, Vira-Vira, Robocop Gay, Chopis Centis e outras canções.