Prefeito eleito de Curitiba canta música da Chapeuzinho Vermelho; veja outros momentos caricatos

Luiza Pollo - O Estado de S.Paulo

Rafael Greca também arrancou asfalto da rua e disse que 'vomitou' com cheiro de pobre

  

   Foto: Reprodução/Youtube

Talvez você o conheça como o candidato que 'vomitou ao sentir cheio de pobre'.

De ex a futuro prefeito de Curitiba, Rafael Greca (PMN) acumulou alguns momentos no mínimo caricatos durante sua carreira.

Eleito para um segundo mandato 20 anos após o primeiro - ele foi prefeito da cidade entre 1993 e 1997 -, fez campanha com a hashtag VoltaCuritiba. E Curitiba aparentemente preferiu voltar.

Nessas duas décadas, Greca continuou na política, mas também foi um grande gerador de memes na internet. Veja algumas das situações mais bizarras protagonizadas pelo 'Rei Momo' ou 'Tio Victor' (do Castelo Rá-Tim-Bum), a quem tem sido comparado.

 

"A primeira vez que tentei carregar um pobre dentro do meu carro eu vomitei por causa do cheiro"

A frase mais conhecida do prefeito eleito foi dita em sabatina na PUC Paraná.

 

Chapeuzinho Vermelho

O repórter Rogério Galindo, do jornal Gazeta do Povo, comentou a trajetória política de Greca, que não gostou muito. Cortou o jornalista, pediu que ele fosse 'ser feliz', cantou a musiquinha da Chapeuzinho e pediu que Galindo parasse de ser o 'lobo mau'.

 

Com as suas pedras vou construir... Curitiba

Greca achou um buraco na calçada de uma praça de Curitiba, algumas pedras soltas, e recriou a famosa frase disseminada no falecido Orkut: com as pedras que me jogarem vou construir (não um castelo) Curitiba. Em um momento bem awkward, ficamos alguns segundos no silêncio, ouvindo o prefeito eleito colocar as pedrinhas no lugar.

 

Hulk Curitibano

Aparentemente, Greca tem uma quedinha por calçamentos. Em campanha à prefeitura em 2015, quis mostrar que o asfalto colocado por seu avô era resistente, ao contrário do instalado pelo então prefeito, Luciano Ducci. Para provar, arrancou um pedaço da rua com as próprias mãos. Virou o Hulk Curitibano na internet.

 

"Se eu fosse governar com a bunda..." (a partir de 12'15'')

Na campanha deste ano, foi convidado para uma entrevista na Rede Mercosul. Um participante do programa perguntou se o então candidato era 'homossexual, bissexual ou assexual' (veja no vídeo abaixo a partir de 12 minutos e 15 segundos). Greca não gostou da pergunta e respondeu que isso só interessaria se ele fosse 'governar com a bunda'. O apresentador ficou bem bravo e os minutos que seguem são dolorosos. Climão em nível máximo.