'Precisamos de mais união e menos julgamento entre nós', diz Anitta no Dia da Mulher

André Carlos Zorzi - O Estado de S.Paulo

O E+ falou com diversas artistas sobre a importância do Dia Internacional da Mulher; confira!

A cantora Anitta

A cantora Anitta Foto: Alex Silva / Estadão

Para este 8 de março, Dia Internacional da Mulher, o E+ entrou em contato com diversas artistas para perguntar qual é a importância da data para elas.

 "Queremos ter os mesmos direitos que os homens, salários iguais, e precisamos de mais união e menos julgamento entre nós", acredita a cantora Anitta.

Fafá de Belém ressalta que "o dia é, para os que não lembram, para passarem a lembrar a importância da mulher". 

A funkeira Ludmilla, por sua vez, remete às suas origens: "Sou negra, nasci na baixada fluminense e comecei a carreira como MC cantando funk. Acabei de fazer minha primeira turnê pela Europa. Olho para trás e vejo que tudo isso parecia impossível. [...] A gente [mulheres] pode ser o que a gente quiser, somos do tamanho dos nossos sonhos."

"É importante que a gente tenha um dia para relembrar todas as mazelas, e quantas de nós partimos em luta", destaca a cantora Iza. 

Confira a íntegra dos depoimentos destas e de outras artistas na galeria abaixo:

 

Denise Andrade / Estadão | Daniela Ramiro / Estadão | Alex Silva / Estadão
Ver Galeria 8

8 imagens

O Dia Internacional da Mulher tem origem em um incêndio ocorrido em março de 1911 na fábrica de roupas Triangle Shirtwais, em Nova York. Na ocasião, morreram 123 mulheres e 23 homens. Leia mais sobre o fato aqui.