Pastor que assediou Ariana Grande em funeral pede desculpas

Redação - O Estado de S.Paulo

Charles Ellis apalpou a região dos seios da cantora durante cerimônia em homenagem a Aretha Franklin

O pastor Charles Ellis apalpou a cantora Ariana Grande durante o velório de Aretha Franklin, em 31 de agosto de 2018.

O pastor Charles Ellis apalpou a cantora Ariana Grande durante o velório de Aretha Franklin, em 31 de agosto de 2018. Foto: Tannen Maury / EFE / EPA

Charles Ellis, pastor que apalpou os seios da cantora Ariana Grande (leia mais aqui) durante o funeral de Aretha Franklin na última sexta-feira, 31, pediu desculpas por sua atitude.

"Nunca foi a minha intenção tocar os seios de alguém", afirmou à agência AP, ressaltando, porém, que talvez tenha "cruzado um limite".

O pastor ainda disse que não quer ser uma distração em um dia dedicado a Aretha Franklin. 

Ellis também pediu desculpas para Ariana e a comunidade hispânica por conta de uma piada feita durante o evento. 

Ele havia dito que, ao ver o nome de Ariana Grande na programação, teria pensado que era um novo item no menu da rede de comida mexicana Taco Bell.

Veja abaixo um vídeo do momento:

* Com informações da agência AP.

VEJA TAMBÉM: Personalidades que já se envolveram em casos de assédio ou abuso sexual