‘Não mudou nada’, diz Solimões sobre orientação sexual do filho

Redação - O Estado de S.Paulo

O cantor disse em entrevista já sabia que Gabriel era gay desde a infância

Solimões disse em entrevista que sempre soube que seu filho Gabriel era gay e que isso nunca mudou nada em sua vida

Solimões disse em entrevista que sempre soube que seu filho Gabriel era gay e que isso nunca mudou nada em sua vida Foto: Instagram/@eugabeu

O cantor sertanejo Solimões, da dupla Rionegro & Solimões, disse em entrevista no Programa do Porchat da segunda-feira, 13, como aprendeu a lidar com a homossexualidade do seu filho, Gabriel. Segundo o cantor, cujo nome verdadeiro é Luiz Felizardo, ele sempre soube que seu filho era gay e afirmou que isso não mudou nada em sua vida ou como o tratou.

"Gabriel é gay assumido e para mim, não mudou nada. Mas eu sempre falo para ele: 'Respeita a sociedade, respeita quem não gosta também, porque você não gosta de um monte de coisa e as pessoas te respeitam'. O que não serve para mim não posso achar que os outros não tem que gostar e o que eu vivo não tenho que achar que todo mundo tem que achar que está certo", disse o cantor.

Mesmo assim, Solimões disse que esse foi um processo de aprendizado e que no começo achou estranho quando Gabriel gostava mais de brinquedos considerados para meninas do que futebol ou outras atividades que meninos costumam praticar mais. "Começou a brincar de boneca, eu soltava chinelada para não mexer com aquilo. Depois ele começou a desviar para umas coisas que no Brasil não é muito normal: não gostava de futebol, escolheu algumas outras coisas. A própria maneira do comportamento”, contou.

Vendo isso, ele já começou a se preparar para a eventual revelação da sexulidade de Gabriel. "Eu 'assumi' enquanto ele era menino pequeno. A dúvida era se ele ia conversar comigo ou ia embora deixando isso no ar. Ele veio, conversou comigo. Não rejeito nada do que as pessoas fazem, acho a posição de conforto para mim", finalizou Solimões.

Veja abaixo o momento.