'Não dá para pensar só em economia', alerta Dira Paes sobre Amazônia

Redação - O Estado de S.Paulo

Atriz paraense criticou, no 'Domingão do Faustão', projetos do governo que considera 'megalômanos'

A atriz Dira Paes nasceu no Pará, um dos Estados por onde se estende a floresta amazônica

A atriz Dira Paes nasceu no Pará, um dos Estados por onde se estende a floresta amazônica Foto: Globo/Marcos Rosa/Divulgação

A atriz Dira Paes é a mais nova artista a criticar abertamente as atitudes do governo federal em relação à Amazônia. Entre as decisões mais recentes está a extinção da Reserva Nacional do Cobre, entre Amapá e Pará - este último, Estado de nascimento da atriz.

No Domingão do Faustão do último domingo, 27, ela foi encorajada por Fausto a falar sobre o assunto. "O governo não consulta ninguém, toma as decisões, não sabe se comunicar. Às vezes, até quando acerta ele erra, porque comunica mal. Nós já estamos em uma situação terrível com a floresta Amazônica, e não é de hoje. Dira, nada melhor do que você, que é do Pará, para dizer que não tem nenhuma questão política, mas é uma pessoa que conhece nas raízes esse problema", começou o apresentador.

"Eu acho, Fausto, que esse foi o momento de a gente levantar esa disucussão profundamente, proque a gente está sabendo deste assunto, deste momento o que está acontecendo no Amapá, mas isso é a Amazônia inteira que sofre por uma exploração de seus recursos naturais, é um esvaziamento total, a fiscalização é pouca", disse Dira.

A atriz afirmou, ainda, que algumas atitudes que podem parecer incialmente a favor do progresso e que podem resultar em lucro, na verdade dizimam recursos naturais. "Nós precisamos pensar em políticas que deem conta da nossa longevidade. Porque nós não queremos soluções imediatas e que não comportem uma solução ambiental que garanta para os meus filhos, para os nossos netos que eles vão ter ar de qualidade, saudável para respirar. O que a gente está falando é que há uma degradação sem planejamento. Isso vem aocntecendo com os recursos hídricos, com os recursos naturais e com a população, que é atingida por esses projetos megalômanos e que na verdade beneficiam muito pouca gente", continuou.

Dira foi elogiada por Faustão, que afirmou que ela é umas das atrizes mais conscientes e com um papael "extraordinário" na sociedade.

"Não dá para a gente pensar só em economia. A gente precisa pensar em ser humano", finalizou Dira.

O tema tem sido bastante citado por artistas. Gisele Bündchen  e Ivete Sangalo já falaram do assunto. Além disso, em junho,  a página do Greenpeace Brasil no Facebook havia divulgado um vídeo em que artistas falam sobre a importância da preservação da floresta amazônica e pressionam o presidente Michel Temer a impedir que medidas que diminuem a proteção da floresta avancem.

Assista ao programa Domingão do Faustão de domingo, 27, aqui.