Morre Donna Wold, mulher que inspirou a ruivinha de 'Charlie Brown'

- O Estado de S.Paulo

Ela tinha 87 anos e sofria de diabetes

Foto: Reprodução / YouTube

No último dia 9 de agosto morreu Donna Wold, mulher que inspirou Charles Schulz, criador dos quadrinhos da turma do cãozinho Snoopy e do garoto Charlie Brown. Ela teve um ataque cardíaco causado por complicações na diabetes.

No desenho, Charlie Brown, o "Minduim", era apaixonado pela garota, mas nunca tinha coragem de falar com ela. Donna conheceu Charles Schulz, criador dos quadrinhos, quando trabalhava na Escola de Arte de Minneapolis. 

Tempos depois, se casou com Allan Wold, que lhe deu o sobrenome com o qual ficou conhecida, e com quem teve quatro filhos. Também serviu como mãe adotiva para cerca de 40 outras crianças.

Foto: Charles M. Schulz Museum and Research Center

De acordo com o Star Tribune, história de amor entre Allan e Donna se assemelha vagamente à dos quadrinhos criados por Charles: Os dois estudaram juntos, mas nunca haviam se falado direito. Após Allan servir à Marinha, viu Donna cantando no coral da Igreja, e decidiu que queria se encontrar com ela, apesar de saber apenas seu sobrenome. Desta forma, ele ligou para centenas de casas de famílias "Johnson", seu nome de solteira, que viviam na cidade, até encontrá-la.