Ministério Público do Rio de Janeiro denuncia Marcos Harter por agressão 

Redação - O Estado de S.Paulo

Laudo de corpo de delito mostra hematomas em Emilly causados pelo ex-BBB

Marcos foi expulso da casa por agredir Emilly

Marcos foi expulso da casa por agredir Emilly Foto: Globo/Paulo Belote

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) denunciou o ex-participante do Big Brother Brasil Marcos Harter por delitos de lesão corporal contra Emilly na última segunda-feira, 24. Segundo nota oficial, o ex-BBB agrediu a jovem com "fortes beliscões, que causaram um hematoma no braço esquerdo da vítima por motivo fútil, que seria ciúme".

"Em outro momento, o denunciado ofendeu novamente a integridade corporal de Emilly, com um apertão no antebraço direito, que acarretou um novo hematoma roxo. As lesões constam em Laudo de Corpo Delito", descreve o MPRJ. 

Para o promotor de Justiça Gianfilippo Pianezzola, as agressões tanto físicas quanto psicológicas consistem em violência doméstica e familiar, pois os dois tinham um relacionamento amoroso. 

Durante a 17ª edição do Big Brother Brasil, o relacionamento de Emilly e Marcos chamou atenção nas redes sociais pelos comportamentos dele, considerados abusivos. Pouco antes da final do programa, o médico foi excluído do reality por ter agredido a participante.