Marisa Orth já foi apresentadora do 'BBB' e relembra: 'Pude experimentar o fracasso'

Bárbara Correa* - O Estado de S.Paulo

O vídeo da atriz apresentando o primeiro paredão do reality em 2002 viralizou nas redes sociais nesta última semana

A atriz Marisa Orth era companheira de apresentação do Pedro Bial na 1ª edição do 'Big Brother Brasil', exibida em 2002 

A atriz Marisa Orth era companheira de apresentação do Pedro Bial na 1ª edição do 'Big Brother Brasil', exibida em 2002  Foto: Reprodução de 'BBB 1' / Globo / Divulgação

Com toda repercussão que o Big Brother Brasil tem ganhado nesta última edição, um internauta resolveu relembrar no Twitter como foi a primeira eliminação da história do reality. Os usuários da rede social foram surpreendidos com quem apresentou o programa em 2002. 

Diferentemente do esperado, o vídeo não era de um discurso icônico de Pedro Bial. O primeiro paredão do BBB foi anunciado por Marisa Orth, que dividia a apresentação do programa da Rede Globo com o jornalista. 

Apesar de não continuar ao lado de Bial na segunda edição do realty, a atriz afirma ter orgulho desse capítulo de sua carreira, que já tem 35 anos. "Eu pude experimentar o fracasso. A Endemol deve ter um arquivo secreto de dois ou três apresentadores do mundo todo que foram eliminados antes da primeira eliminação. Eu fui um deles", disse ela a Marcelo Tas no Provoca, da TV Cultura.

"A direção do programa naquela época queria uma dupla apresentando, mas dupla é perigoso, pode não dar certo. Mas hoje tenho orgulho desse episódio", revelou. Marisa também relembrou uma de suas personagens mais conhecidas na TV, a Magda de Sai de Baixo.

A atriz defendeu que a relação entre ela e o Caco Antibes, personagem interpretado por Miguel Falabella, foi "uma luta feminista". "Algumas pessoas vêm me dizer que a Magda e o Caco não poderiam existir hoje em dia. Não, né? Porque hoje não tem nenhum homem corrupto com uma mulher burra do lado. Eu considero a personagem Magda uma luta feminista".

"Várias mulheres vieram me dizer que foram estudar depois de me ver na TV, que elas ficavam com vergonha. Eles são um tipo de casal ainda em voga no nosso país. Com o humor, pintando com cores mais fortes, você joga luz sobre isso", concluiu. 

*Estagiária sob supervisão de Charlise Morais