Lindsay Lohan revela ter sido agredida mais de uma vez pelo ex-noivo

- Bang Showbiz

Atriz concedeu uma entrevista a um jornal britânico e relatou algumas brigas que teve com Egor Tarabasov

Foto: Divulgação

Lindsay Lohan caiu em prantos várias vezes ao detalhar sua relação violenta com seu ex-noivo.

A atriz, de 30 anos, acusou o herdeiro russo Egor Tarabasov, 23, de bater nela depois que um vídeo dos dois protagonizando uma briga violenta em uma praia em Mykonos veio à tona, e Katie Nicholl, que entrevistou Lindsay para o Mail on Sunday, revelou que a estrela está perturbada com os acontecimentos recentes.

"Ela foi incrivelmente generosa com seu tempo. Muito franca, muito honesta e muito sincera. Ela caiu em prantos várias vezes durante a entrevista", disse Katie ao programa Good Morning Britain. "Ela alega que ele a atacou em mais de uma ocasião. A briga particular em Mykonos foi sobre um telefone celular. Essas imagens dele puxando seu braço literalmente para trás são imagens violentas".

Katie também revelou que uma reconciliação não foi descartada, embora seja improvável. "Ele vem de uma família russa rica. Ele é sete anos mais jovem que ela. Ela realmente pensou que eles combinavam. Acho que, com Lindsay, nunca diga nunca, mas porque ele não tentou fazer as coisas direito, não sei se há alguma reconciliação a partir daí".

A briga dramática na Grécia, que foi flagrada pelas câmeras, ocorreu depois de uma discussão em um veículo 4x4 preto, durante a qual Lindsay jogou o telefone de Egor pela janela.

A atriz estava relutante em entrar em detalhes sobre o incidente, mas sugeriu que o comportamento de Egor teria sido provocado pelo álcool.

"Egor bebeu demais e ele ficou louco", disse Lindsay ao Mail on Sunday.

O casal teve uma outra briga na varanda do apartamento que eles dividiam em Knightsbridge, em Londres, que também foi capturada pelas câmeras.

Durante esse incidente, Lindsay acusou Egor de agredi-la, gritando: "Por favor, por favor, ele acabou de me estrangular. Ele quase me matou". A polícia foi posteriormente chamada ao local, mas ninguém foi acusado de crime.

Refletindo sobre o incidente na varanda, Lindsay disse: "Egor e eu tínhamos saído para jantar. Nós dançamos, foi divertido. Quando chegamos em casa, fui para a cama e Egor saiu. Poucas horas depois, ele voltou e, quando eu acordei, ele estava de pé em cima de mim. Ele não era ele mesmo, ele estava sendo muito agressivo e me atacou".