Lily Allen afirma que se livrou das drogas com ajuda de amigos

Redação - O Estado de S.Paulo

Chris Martin, do Coldplay, e a atriz Gwyneth Paltrow teriam dado conselhos à cantora britânica

A cantora Lily Allen.

A cantora Lily Allen. Foto: REUTERS/Olivia Harris

O livro de Lily Allen, My Thoughts Exactly, deve ser lançado em breve. A obra, que contará a trajetória da cantora, também vai se aprofundar nos acontecimentos da vida pessoal dela. 

Em entrevista ao jornal britânico The Guardian, ela revelou que conseguiu se livrar das drogas graças ao apoio dos amigos Chris Martin, vocalista do Coldplay, e da atriz Gwyneth Paltrow. Após uma festa de Halloween em Malibu, em 2014, promovida pela atriz Kate Hudson, o casal recebeu Lily, que chegou a ficar inconsciente na ocasião.

A dona do hit Not Fair foi casada com Sam Cooper e teve dois filhos, Ethel e Marnie. “Voltar a trabalhar como artista pop e ser mãe de duas crianças muito novas não era algo que eu pudesse pensar com objetividade. Estava bem dentro de mim. Era minha realidade diária e eu achei ofuscante”, conta Lily em seu livro.

Na época em que estava envolvida com drogas, Chris e Gwyneth recomendaram à amiga a busca por um profissional de saúde. “Eles me deram o contato de seu terapeuta de casal. Essa era a chamada de atenção de que precisava. Percebi que estava doente”, desabafou.

Em suas músicas, Lily Allen fala sobre os problemas vividos. Isso fica evidente no álbum que lançou neste ano, No Shame.