Keira Knightley evita papéis em filmes que depreciem a imagem da mulher

Redação - O Estado de S.Paulo

A atriz acredita que filmes de época retratam melhor mulheres em posições de destaque

A atriz Keira Knightley afirmou em entrevistas que prefere papéis em filmes de época porque eles retratam mais mulheres em posições de destaque

A atriz Keira Knightley afirmou em entrevistas que prefere papéis em filmes de época porque eles retratam mais mulheres em posições de destaque Foto: Mike Segar/Reuters

Promovendo seu novo filme, Colette, que vai estrear no Festival de Sundance, a atriz britânica Keira Knightley falou em entrevista para a revista Variety que prefere papéis em filmes de época porque eles retratam melhor mulheres em posições de destaque na sociedade do que filmes ambientados na atualidade.

“Eu quase não faço filmes ambientados na atualidade porque as personagens femininas quase sempre são estupradas”, disse. “Eu sempre encontro algo de mau gosto nos roteiros desses filmes em como as mulheres são retratadas, enquanto sempre encontro personagens inspiradoras quando me oferecem papéis em filmes de época”, continuou Keira.

Ela pontuou que hoje os roteiros que recebe são melhores que os de dez anos atrás. “Com o crescimento da Netflix e da Amazon nós estamos vendo mais personagens femininas fortes e histórias de mulheres nas plataformas de streaming”, falou, “Agora eu recebo muito mais roteiros com personagens que não são estupradas nas cinco primeiras páginas ou que não estão lá só para fazer papel romântico”, explicou.

A atriz também destacou seu apoio ao movimento Time’s Up e que apesar de nunca ter sido assediada em um ambiente profissional, as mulheres passaram muito tempo aceitando isso como se fosse algo normal. “Nós estamos em um momento em que tudo isso tem que ser revelado. Temos que ir em frente e descobrir uma forma que isso nunca mais aconteça novamente”, deseja Keira.