Kanye West quer fazer versão cristã de aplicativo TikTok

Redação - O Estado de S.Paulo

Rapper americano, que quer ser presidente dos EUA, teve ideia ao ver a filha usando app

Rapper anunciou candidatura no Twitter no dia 4 de julho

Rapper anunciou candidatura no Twitter no dia 4 de julho Foto: Andrew Innerarity/Reuters

O rapper americano Kanye West teve um ‘insight’ nessa semana ao ver a filha brincando e aceitando desafios no aplicativo TikTok. O músico pensou que seria uma boa ideia se existisse uma versão religiosa do app. 

Em uma postagem no Twitter nesta segunda-feira, 17, West disse que gostaria de fazer uma versão cristã do aplicativo e até pensou em um nome para ele: ‘Jesus Tok’. 

Em julho, o rapper americano decidiu concorrer ao cargo de presidente dos Estados Unidos contra o atual mandatário Donald Trump, a quem ele sempre apoiou. 

“Uma visão acabou de chegar até mim? Jesus Tok? Eu estava vendo minha filha mexendo no TikTok e, como um pai cristão, eu estava perturbado com muito conteúdo, mas eu amei totalmente a tecnologia", escreveu Kanye West no Twitter.

Donald Trump não faz questão de esconder a aversão pelo aplicativo e chegou a ameaçar o TikTok de ser banido dos Estados Unidos.

"Oremos para que possamos colaborar com o TikTok para fazer uma versão cristã monitorada que soe segura para crianças pelo mundo. Em nome de Jesus, amém”, pediu Kanye West.

 

Diversos internautas ironizaram a sugestão de Kanye West sobre um Tik Tok cristão e brincaram com memes no Twitter. Confira: