Jennifer Aniston revela sonambulismo e conta que já acordou com alarmes que ela mesma acionou

Redação - O Estado de S. Paulo

Atriz buscou ajuda de um médico e implementou uma rotina de cuidados noturnos para melhorar seu sono

Em entrevista à 'People', Jennifer Aniston revelou que dificuldade para dormir e sonambulismo começaram antes dos 30 anos.

Em entrevista à 'People', Jennifer Aniston revelou que dificuldade para dormir e sonambulismo começaram antes dos 30 anos. Foto: Eduardo Munoz/Reuters

Aos 53 anos, Jennifer Aniston revelou que sofreu com sonambulismoinsônia. Em entrevista à People, a atriz afirmou que esses problemas afetaram sua rotina, sua função mental e seu físico. 

A estrela de Friends contou que a dificuldade para dormir começou antes dos 30 anos. "Você simplesmente não percebe os efeitos da falta de sono quando é mais jovem, pois nessa fase somos tão invencíveis. Começou com algo que eu simplesmente aceitei e, de repente, você percebe os efetios da falta de sono e como isso afeta seu dia, seu trabalho, sua função mental e seu físico", explicou.

A atriz ainda falou que quando tinha insônia entrava em um ciclo vicioso de olhar para o relógio a todo instante, pois se preocupava com o tempo que teria para dormir: "Quanto mais me preocupo com isso, mais difícil é para pegar no sono". 

Durante a conversa, ela lembrou de um episódio de sonambulismo que sofreu. "Eu sou conhecida por fazer isso. Eu fui acordada por alarmes da casa tocando que eu mesma acionei. Eu acho que não faço mais isso, era quando eu estava há muito tempo sem conseguir dormir direito", disse.

Jennifer Aniston ainda revelou que assim que reviu suas prioridades, decidiu buscar por um especialista e tratar essa falta de sono. "Tornou-se algo com o qual eu realmente estava lutando. Costumava ser a última coisa na lista", admitiu a artista.

A atriz implementou uma rotina com ritual noturno para relaxar, fazer alogamentos e ioga, pois assim evita o uso do celular ao se deitar e diminui as distrações para conseguir pegar no sono.