Jane Fonda fala sobre suicídio de sua mãe: 'Quando criança, você sempre pensa que é culpa sua'

Redação - O Estado de S.Paulo

A atriz perdeu a mãe quando tinha apenas 12 anos de idade

A atriz Jane Fonda.

A atriz Jane Fonda. Foto: REUTERS/Stephane Mahe

Em entrevista à People, Jane Fonda falou sobre como lidou com o suicídio de sua mãe, Frances Ford Seymour, quando tinha apenas 12 anos.

"Se você tem um pai que não é capaz de aparecer, isso tem um grande impacto no seu senso de identidade", falou Jane, que está promovendo seu novo documentário na HBO, o Jane Fonda in Five Acts. Frances tinha problemas psiquiátricos e ficou internada muitas vezes. Ela se suicidou quando estava em uma dessas instituições psiquiatras, aos 42 anos.

"Quando criança, você sempre pensa que é culpa sua, porque a criança não pode culpar o adulto porque ela depende dele para sobreviver. Leva muito tempo para superar esse sentimento de culpa", continuou.

Em 2005, Jane começou a escrever seu livro de memórias, que se chama My Life So Far, que é dedicado a sua mãe. "Quando eu escrevi, eu dediquei à minha mãe porque eu sabia que, se eu fizesse isso, eu seria forçada a realmente tentar entendê-la", contou.

 

* Precisa de ajuda, de apoio ou quer desabafar? Procure o Centro de Valorização da Vida (CVV). O serviço oferece apoio online no site, pelo telefone 188, via Skype (acesso pelo site), ou e-mail (mensagem enviada também pelo site), a qualquer hora do dia. Em todos os canais, o atendimento é feito por voluntários treinados e a conversa é anônima, com sigilo completo sobre tudo que for dito.