'Já tinha enchido', diz Leo sobre fim da dupla com Victor Chaves

Redação - O Estado de S.Paulo

Sertanejo vivia sob constantes brigas com o irmão e diz que é chamado de 'Victor e Leo' 

Leo Chaves em conversa com Danilo Gentili durante o talk-show 'The Noite', do SBT.

Leo Chaves em conversa com Danilo Gentili durante o talk-show 'The Noite', do SBT. Foto: Captura de tela do programa 'The Noite' (2019) / SBT

Leo Chaves falou na quarta-feira, 20, em entrevista à Danilo Gentili no The Noite, do SBT, sobre fatos curiosos de sua carreira e o fim da dupla sertaneja com seu irmão Victor Chaves.

Ele já havia explicado no começo deste ano que os dois viviam sob constantes brigas, incluindo o período em que participaram do The Voice Kids como jurados. No entanto, reforçou o desgaste dizendo que a parceria de quase três décadas já tinha 'enchido o saco'.

"Faz falta a segunda voz e o violão dele. Mas já tinha enchido o saco, principalmente ele. Foram 27 anos. E depois que você vem de uma marca como 'Victor e Leo' você tenta ser só o Leo e nunca consegue", afirma. "Pedem para tirar foto comigo e perguntam: 'o Leo está aí?'. Dizem: 'olha o Victor e Leo aí'."

Para além do passado com o irmão, o cantor recordou de quando bebeu querosene, no começo da carreira, para curar uma rouquidão. 

"O sanfoneiro falou para eu tomar querosene com café. Um pouquinho só. A voz melhorou, mas de cinco em cinco minutos eu ia no banheiro. Meu ar tinha gosto de querosene, meu suor. Tudo era querosene. Chegou na hora do show minha voz acabou, não adiantou nada", revela.

VEJA TAMBÉM: Artistas que não fizeram tanto sucesso quanto seus irmãos

Danny Moloshok / Reuters
Ver Galeria 12

12 imagens

Assista à entrevista na íntegra: