Izabella Camargo explica motivo de exoneração de cargo em ministério

Redação - O Estado de S.Paulo

Ex-apresentadora da Globo vinha trabalhando como assessora no gabinete do ministro da Ciência e Tecnologia Marcos Pontes

A jornalista Izabella Camargo apresentando a previsão do tempo no 'Jornal Nacional', na Globo, em 2018.

A jornalista Izabella Camargo apresentando a previsão do tempo no 'Jornal Nacional', na Globo, em 2018. Foto: Reprodução de 'Jornal Nacional' (2018) / Globo

A jornalista Izabella Camargo, explicou os motivos pelos quais foi exonerada do cargo de assessora do gabinete do ministro da Ciência e Tecnologia Marcos Pontes na última segunda-feira, 22 de abril.

"Eu só saí do ministério porque eu quero falar sobre [a síndrome de] Burnout. Essa é uma bandeira que não posso mais deixar quieta", afirmou Izabella em entrevista ao programa Eva na Pan nesta sexta-feira, 26.

Izabella Camargo ficou conhecida por seu trabalho em telejornais como o Jornal Nacional e o Bom Dia Brasil, na Globo, emissora da qual foi demitida em novembro de 2018. Ela chegou a tirar licença médica do trabalho por conta da síndrome de Burnout.

"Mais de 800 pessoas me procuraram voluntariamente pedindo ajuda desde que meu caso se tornou público, e eu pedi exoneração do ministério de ciência e tecnologia porque preciso falar sobre isso. Minha saúde tá boa", continuou.

VEJA TAMBÉM: Sabia que Izabella Camargo já foi dançarina do programa Fantasia? Veja o que outros jornalistas faziam antes de ficarem conhecidos

Reprodução / YouTube / Instagram @sandra.annenberg.real
Ver Galeria 8

8 imagens

Em outro momento, complementou: "Eu fiz uma tentativa no ministério. Eu amei. Fiz coisas incríveis lá, tive oportunidades que em nenhuma emissora de TV eu teria, Antártida, Israel, várias coisas, mas, ok, não está mais rolando dessa maneira. Preciso procurar outra alternativa. Qual? Eu ainda não sei."

Assista à entrevista de Izabella Camargo falando sobre a síndrome de Burnout e sua exoneração abaixo: