Italiano que usava nome de George Clooney para fraudes é preso na Tailândia

Redação - O Estado de S.Paulo

Francesco Galdeli, de 58 anos, se passava pelo ator para enganar investidores

Francesco Galdeli, que se passava pelo ator George Clooney, é preso na Tailândia.

Francesco Galdeli, que se passava pelo ator George Clooney, é preso na Tailândia. Foto: Crime Suppression Division of Thailand via AP

A polícia tailandesa informou que prendeu um italiano acusado de usar o nome do ator George Clooney para convencer pessoas a investir em uma empresa de roupas falsas.

Francesco Galdeli, de 58 anos, foi preso no sábado, 15, perto da cidade de Pattaya, sob suspeita de permanecer no país ilegalmente.

O homem era procurado em seu país natal após fugir de uma sentença de prisão.

Galdeli foi condenado por um tribunal de Milão, em 2010, a mais de oito anos de prisão. Ele foi considerado culpado por representar Clooney para enganar investidores, disse a polícia.

O aviso da Interpol foi emitido para Galdeli e ele foi preso em um endereço fornecido pelas autoridades italianas. Ele viveu na Tailândia por cerca de sete anos, segundo a polícia.

Com informações da AP