Hospital onde Marília Mendonça nasceu instala fachada com nome dela

Redação - O Estado de S.Paulo

O local passou por reformas e deve ser entregue em março com nome Hospital Municipal Marília Mendonça de Cristianópolis

Hospital que Marília Mendonça nasceu em Cristianópolis, em Goiânia, muda fachada e homenageia a cantora.

Hospital que Marília Mendonça nasceu em Cristianópolis, em Goiânia, muda fachada e homenageia a cantora. Foto: Prefeitura de Cristianópolis

O hospital que Marília Mendonça nasceu é o único em Cristianópolis, a 90km de Goiânia, e instalou um letreiro em homenagem à cantora. A rainha da sofrência morreu há quase quatro meses em um acidente de avião, quando estava a caminho de um show. Aos 26 anos, Marília deixou um filho, Leo, de 2 anos.

De acordo com informações da prefeitura da cidade, o hospital passou por obras e deve ser entregue em março, já com o nome de Hospital Municipal Marília Mendonça de Cristianópolis.

A prefeitura também informou que, além da nova fachada, o local passou por uma reforma e melhorias. "Estamos muito felizes em homenagear Marília Mendonça, filha ilustre de Cristianópolis, que ganhou o mundo com sua voz e canções sertanejas. Ela sempre será lembrada por aqui", disse a prefeita Juliana Costa.

Relembre

Marília Mendonça morreu aos 26 anos e deixou o filho Leo, de 2 anos.

Marília Mendonça morreu aos 26 anos e deixou o filho Leo, de 2 anos. Foto: Som Livre

No dia 5 de novembro de 2021, o avião que Marília Mendonça e mais quatro pessoas estavam caiu perto de uma cachoeira na serra de Caratinga, em Minas Gerais. 

"Com imenso pesar, confirmamos a morte da cantora Marília Mendonça, seu produtor Henrique Ribeiro, seu tio e assessor Abicieli Silveira Dias Filho, do piloto e copiloto do avião, os quais iremos preservar os nomes neste momento. O avião decolou de Goiânia com destino a Caratinga (MG), onde Marília teria uma apresentação esta noite", informou a assessoria da cantora.

O corpo de Marília e de Abicieli Silveira, seu tio e assessor, foram levados para o Goiânia Arena. Lá, eles foram velados durante a tarde de sábado, 6 de novembro, e os fãs puderam se despedir da artista. Os corpos foram enterrados no Cemitério Parque Memorial no final do dia, em uma cerimônia fechada para familiares e amigos mais próximos.

Muitos amigos da rainha da sofrência participaram do velório e do enterro da cantora, como Maiara & Maraisa (que comandavam o projeto Patroas 35% com Marília), e a dupla Henrique e Juliano. Nas redes sociais, fãs aproveitaram para se despedir dela.