Homem é detido após ir à casa de Taylor Swift portando munições e faca

Redação - O Estado de S.Paulo

Ele também estava vestindo uma máscara e alegou à polícia que iria apenas fazer uma visita à cantora

Taylor Swift já foi perseguida por stalkers algumas vezes, e no caso mais recente, o homem usava uma máscara e carregava munições e uma faca. 

Taylor Swift já foi perseguida por stalkers algumas vezes, e no caso mais recente, o homem usava uma máscara e carregava munições e uma faca.  Foto: Doug Milles/The New York Times

Taylor Swift não está com muita sorte com seus "fãs" nos últimos dias. Após um homem roubar um banco e jogar o dinheiro na casa da cantora na intenção de impressioná-la, outro homem foi até a casa dela na última terça-feira, 17, com aparentes más intenções. Ele foi detido.

Julius Sandrock foi detido após a Polícia de Los Angeles perceber que ele estava perseguindo Taylor. Ele vestia uma máscara enquanto dirigia até a casa da cantora em Beverly Hills e, em seu carro, foram encontradas munições, uma faca, um roupão e luvas. Ele disse que estava indo "visitá-la", segundo informações do The Guardian.

Os agentes então registraram uma ordem de restrição temporária contra Julius, e ele vai ficar detido por três dias. Ele confessou que possui três pistolas e está em condicional no Estado do Colorado por "conduta desordeira e por disparar uma arma de fogo".

Sandrock também disse à Polícia que tem depressão, transtorno bipolar e transtorno obsessivo compulsivo, e carregava consigo alguns medicamentos de prescrição restrita.