Gusttavo Lima diz que evitará lives para ‘não ser censurado’; entenda

Camila Tuchlinski - O Estado de S.Paulo

Sertanejo virou alvo de representação no Conar por causa de propaganda de bebida alcoólica durante transmissão

O cantor Gusttavo Lima

O cantor Gusttavo Lima Foto: Instagram/@gusttavolima

O cantor Gusttavo Lima usou as redes sociais na noite desta quarta-feira, 15, para desabafar sobre críticas que recebeu por ter exposto bebida alcoólica durante lives que realizou na quarentena.  

“Acho que o grande segredo da live é tirar o lençol do fantasma. Acho que uma live engessada e politicamente correta não tem graça. O bom são as brincadeiras, a vontade de levar alegria, alto astral para as pessoas que estão agoniadas nesse momento. Não farei live para ser censurado”, avisou. 

Gusttavo Lima também falou sobre o dinheiro arrecadado durante a transmissão para o combate ao novo coronavírus. “Juntos, ajudamos muitas pessoas. Foram toneladas de alimentos e arrecadações. Fizemos nosso papel. Deus abençoe a todos”, concluiu a publicação no Twitter. 

Gusttavo Lima usou o Twitter para desabafar sobre críticas em relação ao consumo de álcool durante live na quarentena.

Gusttavo Lima usou o Twitter para desabafar sobre críticas em relação ao consumo de álcool durante live na quarentena. Foto: Twitter/gusttavo_lima

No Instagram, o cantor também fez questão de apontar as ações e instituições que foram ajudadas com a renda revertida para a compra de cestas básicas, álcool em gel e outros.

Gusttavo Lima publicou uma relação dos locais contemplados e disse que ainda tem mais a ser doado. “O restante está no nosso galpão para ser entregue no decorrer dos próximos dias. Obrigado a todos que nos apoiaram e juntos estão somando nessa época tão difícil”, disse.

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

• Hospital de Doenças Tropicais (HDT) - recebeu 10 mil frascos de álcool Gel e 10 Mil Gazes • Vila São Cotolengo – recebeu 5 toneladas de alimentos • Centro Bíblico/Santana do Ipanema (AL) – recebeu 500 kg de frango • Institutos filhos de Davi/ Santana de Ipanema (AL) – recebeu 500 kg de frango • CESB- Centro Espírita Santa Bárbara/ Santana de Ipanema (AL) – recebeu 500 kg de frango • Ação Social Sopão Laura Chagas/ Santana de Ipanema (AL) – recebeu 500 kg de frango • Hospital Araújo Jorge - recebeu 10.000 Frascos de de álcool gel etílico • Projeto Integral de Vida / Provida DF – Recebeu 25 Cestas básicas • Associação Brasiliense de Combate á AIDS – Arco Íris DF - Recebeu 25 Cestas básicas • Assistência Nacional Ágape/ DF - recebeu 25 Cestas básicas • Obras Especiais Assistenciais Centro Irmão Jorge/DF - Recebeu 25 Cestas básicas • Instituto Padre Haroldo – Campinas /SP – 2 toneladas de alimentos e produtos de Higiene • Mesa Brasil – 57 toneladas de alimentos • AMOBAJ – Associação de Moradores do Bairro de Jardelândia / Pará - 5 toneladas de alimentos • Associação Comunidade Luz da Vida/ Goiânia – 272 Kilos de Alimentos • Obras Sociais do Centro Espírita Irmão Aureo / Goiânia -272 Kilos de Alimentos • Associação Servos de Deus/ Goiânia -272 Kilos de Alimentos • Associação Santa Terezina do Menino Jesus/ Goiânia -272 Kilos de Alimentos • Núcleo Ação Social Dona Judith/ Aparecida de Goiânia -272 Kilos de Alimentos • Conselho Central de Campinas/ Campinas GO - 272 Kilos de Alimentos • Paróquia Nossa Senhora da Águia/ Goiânia - 272 Kilos de Alimentos • Associação Assunção/ Goiânia - 272 Kilos de Alimentos • Grupo Fraterno Paulo de Tarso/ Goiânia - 272 Kilos de Alimentos • Associação de Promoção Humana Assoproh/ Goiânia - 272 Kilos de Alimentos • Legião da Boa Vontade/ Goiânia - 272 Kilos de Alimentos O restante das doações estão no nosso galpão, para serem entregues no decorrer dos próximos dias. Obrigado a todos que nos apoiaram e juntos estão somando nessa época tão difícil. #OEmbaixador #GusttavoLima

Uma publicação compartilhada por Gusttavo Lima (@gusttavolima) em

Para Entender

Coronavírus: veja o que já se sabe sobre a doença

Doença está deixando vítimas na Ásia e já foi diagnosticada em outros continentes; Organização Mundial da Saúde está em alerta para evitar epidemia

O sertanejo virou alvo de representação ética no Conar na terça-feira, 14. De acordo com o Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária, diversos consumidores fizeram denúncias em relação às ações publicitária realizadas nas transmissões de Live Gusttavo Lima - Buteco em Casa e Buteco Bohemia em Casa

Live de Gusttavo Lima durou mais de sete horas na quarentena durante pandemia do novo coronavírus.

Live de Gusttavo Lima durou mais de sete horas na quarentena durante pandemia do novo coronavírus. Foto: YouTube/Gusttavo Lima

Ao longo de mais de sete horas de transmissão, além da interpretação em Libras, em um dos cantos do vídeo estava fixada a frase “beba com moderação”. Ao mesmo tempo, logos das marcas patrocinadoras da live surgiam em outros cantos da tela. 

A transmissão de Gusttavo Lima no YouTube bateu recorde de visualizações, mais de 50 milhões.

Assista ao vídeo:

Em nota enviada para o E+, a assessoria do cantor destacou que a medida do Conar não se trata de um processo judicial, mas sim de um processo administrativo, e que “os esclarecimentos necessários serão prestados conforme determinado na referida citação”. Ainda sinalizou que outras informações não serão divulgadas no momento em razão da confidencialidade do processo.

Já a Ambev, que também recebeu a notificação do Conar por ter patrocinado a live do cantor, disse em nota: “Sabemos que em algumas lives, de forma totalmente espontânea, algumas orientações [das regras de publicidade] não foram seguidas. Estamos reforçando as regras dado esse novo contexto de entretenimento virtual e estamos mais do que nunca comprometidos com o consumo responsável de nossos produtos.”

Receba no seu email as principais notícias do dia sobre o coronavírus