George Clooney doa R$ 3,16 milhões para ONG que combate grupos de ódio

Redação - O Estado de S.Paulo

‘Não há dois lados na intolerância e no ódio’, disse o ator, em referência a protestos de supremacistas brancos

Ator é contra demonstrações de ódio

Ator é contra demonstrações de ódio Foto: Carlo Allegri/ Reuters

George Clooney e sua mulher vão ajudar instituição que combate grupos de ódio. A decisão foi tomada após grupos de supremacistas brancos realizarem manifestações em cidades dos Estados Unidos.

“Amal e eu queremos adicionar nossa voz e oferecer assistência financeira para a luta por igualdade que está em andamento. Não há dois lados na intolerância e no ódio”, declarou Clooney ao jornal The Guardian.

Através da Clooney Foundation for Justice, instituição criada pelo casal em 2016, eles pretendem cooperar com a Southern Poverty Law Center, organização não governamental que monitora as atividades de grupos de ódios domésticos e de outros extremistas. Clooney e sua mulher doaram U$ 1 milhão (aproximadamente R$ 3,16 milhões) para a ONG.

“O que aconteceu em Charlottesville e o que está acontecendo em comunidades ao redor do país demanda nosso engajamento coletivo para enfrentar o ódio”, defendeu.