Felipe Neto diz sofrer ameaças: 'Já tirei minha mãe do Brasil'

Redação - O Estado de S.Paulo

'É estarrecedor que um indivíduo seja impossibilitado de se manifestar e lutar contra qualquer tipo de censura sem ser ameaçado', afirmou youtuber

Felipe Neto

Felipe Neto Foto: YouTube / @Felipe Neto

O youtuber Felipe Neto afirmou em seu Twitter nesta segunda-feira, 16, que vem sofrendo ameaças e chegou a tirar sua mãe do País por motivos de segurança.

"Infelizmente a notícia é real. As ameaças se intensificaram e estamos montando um documento para dar entrada na polícia. Já tirei minha mãe do Brasil e estou vivendo com o mínimo possível de exposição", disse Felipe Neto.

Por meio de um comunicado divulgado por sua assessoria, Felipe Neto afirma que cancelou sua participação na palestra Educação e a Criatividade, que ocorreria na terça-feira, 17, no evento Educação 360, no Rio de Janeiro, "devido a ameaças que atentam contra a sua vida e de sua família".

Felipe Neto falou sobre sua ausência: "É estarrecedor que, no Brasil, em 2019, um indivíduo seja impossibilitado de se manifestar e lutar contra qualquer tipo de censura e opressão sem ser ameaçado."

"Quero dizer que continuarei lutando, enfrentando o obscurantismo e a opressão, por todos os meios que me cabem, pela defesa do amor e da união até o fim, até onde for possível e até onde minhas forças e meu coração aguentaram", prosseguiu.

"Desde que a ação que promoveu contra a censura, a opressão e o preconceito na Bienal do Livro - onde comprou e distribuiu gratuitamente 14 mil exemplares com a temática LGBTQ [...] Felipe Neto vem recebendo todo tipo de ameaças", ressalta o comunicado.

Confira a íntegra do comunicado divulgado pela assessoria de Felipe Neto abaixo:

Comunicado oficial divulgado pela assessoria de Felipe Neto após o youtuber receber ameaças.

Comunicado oficial divulgado pela assessoria de Felipe Neto após o youtuber receber ameaças. Foto: Felipe Neto / Divulgação

+++ Quem é Felipe Neto? Relembre trajetória e polêmicas do youtuber