Evangeline Lilly diz que coordenador de 'Lost' a machucou propositalmente

Redação - O Estado de S.Paulo

Atriz falou que foi obrigada a fazer uma cena de ação sem o equipamento de proteção adequado

Atriz Evangeline Lilly

Atriz Evangeline Lilly Foto: Jordan Strauss/AP

A atriz Evangeline Lilly disse que se machucou seriamente durante as gravações de Lost e acusa um dos coordenadores envolvidos na produção da série de tê-lo feito propositalmente.

Ela contou o ocorrido durante uma palestra sobre mulheres dublês. Em uma cena específica, ela teria se recusado a usar uma dublê e pediu para fazer o trabalho ela mesma, a contragosto do coordenador de dublês. As informações são do Deadline.

Na cena, Evangeline teria que rolar sobre um grosso galho de árvore e ficar pendurada, lutando por sua vida. Ela diz que não havia perigo de cair, pois estava amarrada a cabos de segurança.

Ela pediu para usar um tecido fino nos braços, comumente utilizado para impedir que os atores se machuquem com arranhões, mas o coordenador foi enfático: “Vai aparecer no vídeo”.

A atriz ainda disse que foi obrigada a repetir a cena diversas vezes, cada vez machucando mais os braços. “Fiquei com feridas abertas das quais saía pus. Fiquei parecendo um mutante”, relembrou.

Evangeline acredita que a decisão do homem, que ela afirma ser “misógino”, foi como um castigo por ter desafiado sua vontade de utilizar um dublê.

“Eu senti que ele estava dizendo ‘Vou te colocar no seu lugar’. Ou eu obedecia a ele, ou me machucava. À época eu tinha 20 anos. Se fosse hoje, provavelmente eu recuaria”, falou.