Ellen Page garante que assumir homossexualidade transformou sua carreira

- Bang Showbiz

Atriz acredita que sua profissão foi beneficiada com a decisão de se assumir lésbica, em 2014

Ellen se revelou gay em 2014

Ellen se revelou gay em 2014 Foto: Bang Showbiz

Ellen Page disse acreditar se assumir homossexual a transformou em uma atriz melhor. A artista de 29 anos revelou sua sexualidade durante um discurso na campanha a favor dos direitos humanos, "Time to Thrive", realizado em Las Vegas no dia 14 de fevereiro de 2014, e desde então está mais empolgada e apaixonada pelo trabalho.

Questionado pelo jornal 'Metro' se a decisão foi positiva para a carreira dela, Ellen responder afirmativamente: "Sim, 100%. Eu me sinto mais empolgada, inspirada e apaixonada pelo meu trabalho, mais do que nunca. Eu acredito que grande parte disso é ter sua autenticidade aliada à sua criatividade".

Em 2015, Page apareceu em "Amor por Direito", com Julianne Moore, 55, no qual o par interpretou um casal de lésbicas que luta pelos direitos iguais para poder receber uma pensão da companheira doente. Uma das estrelas gays mais proeminentes de Hollywood, a atriz insiste que foi importante para ela fazer este filme e mostrar a história real da policial Laurel Hestel e da mecânica Stacie Andree.

"Quando o script chegou, eu tinha 21 e estava filmando outro longa em Michigan. Eu me lembro de chorar e me sentir muito inspirada por essas duas mulheres que, em um tempo de dificuldade inimaginável e tristeza, lutou bastante pelos direitos delas, e pelos meus, e todos as comunidades LGBT. Era uma das histórias que você realmente quer contar. O filme foi lançado antes da igualdade do casamento gay e hétero surgir no EUA. Foi um momento empolgante, ter a chance de celebrar um progresso tão extraordinário e também consciente do trabalho que ainda precisa ser feito", explicou.