Dua Lipa ganha prêmio de melhor artista do Grammy e ‘alfineta’ presidente da cerimônia

Redação - O Estado de S.Paulo

Cantora rebateu declaração considerada machista de Neil Portnow

A cantora Dua Lipa.

A cantora Dua Lipa. Foto: Neil Hall/Reuters

Dua Lipa ganhou o prêmio de melhor artista do Grammy 2019 no último domingo, 10, e aproveitou para criticar o presidente da cerimônia, Neil Portnow, enquanto discursava.

A cantora britânica, de 23 anos, falou sobre a influência feminina no mundo artístico e afirmou que, neste ano, as mulheres "realmente se intensificaram".

A declaração fez referência ao comentário polêmico de Portnow na premiação de 2018, quando ele alegou que as cantoras que têm a "criatividade em seus corações e almas" precisam "redobrar os esforços" para vencer nas categorias do Grammy.

Dua Lipa é dona da música New Rules, que já alcançou mais de 1,6 bilhão de visualizações no YouTube, e compartilhou no Instagram sua reação ao saber da vitória deste final de semana.

Assista.

Veja o discurso completo da cantora na cerimônia do Grammy.