Diretor de ‘Pantera Negra’ é algemado por solicitar saque da própria conta bancária

Julia Queiroz* - O Estado de S. Paulo

Ryan Coogler relatou ter sido confundido com assaltante em Atlanta, EUA, em janeiro

Ryan Coogler, diretor de Pantera Negra, foi confundido com assaltante de banco.

Ryan Coogler, diretor de Pantera Negra, foi confundido com assaltante de banco. Foto: REUTERS/Mario Anzuoni

O diretor de Pantera Negra, Ryan Coogler, foi confundido com um assaltante de banco ao tentar sacar dinheiro de sua conta bancária em Atlanta, nos Estados Unidos. O incidente aconteceu em janeiro, mas foi revelado nesta quarta-feira, 9, pelo site TMZ.

À revista Variety, Coogler confirmou o ocorrido e afirmou que “essa situação nunca deveria ter acontecido”. Ele também esclareceu que o Bank Of America, do qual ele tentou realizar o saque, colaborou com ele e resolveu o cenário de forma satisfatória

O diretor foi detido e algemado após entregar um pedido escrito à mão à funcionária do caixa. “Eu gostaria de sacar 12 mil dólares em dinheiro da minha conta. Por favor, conte o dinheiro em outro lugar. Eu gostaria de ser discreto”, dizia o bilhete. 

A funcionária, no entanto, interpretou a situação como um assalto, pelo valor exceder os dez mil dólares e acionou um alarme no banco. Ela informou ao seu chefe e os dois chamaram a polícia, que abordou dois colegas de Coogler que esperavam fora da agência e, em seguida, algemou o diretor. Quando a situação foi esclarecida, os três homens foram soltos.

Atualmente, o cineasta está trabalhando na sequência de Pantera Negra, que, após a morte do ator Chadwick Boseman, terá como protagonista Letitia Wright, que interpreta a irmã do herói no longa. 

 

*Estagiária sob supervisão de Charlise Morais