Diretor de '007' diz que Henry Cavill não perdeu papel de Bond por estar 'gordinho'

Julia Queiroz* - O Estado de S. Paulo

Ator havia declarado em entrevista que foi rejeitado para interpretar o personagem porque estava acima do peso

O ator Henry Cavill tinha apenas 23 anos quando fez teste e foi rejeitado para interpretar James Bond no cinema.

O ator Henry Cavill tinha apenas 23 anos quando fez teste e foi rejeitado para interpretar James Bond no cinema. Foto: REUTERS/Mike Theiler

Martin Campbell, diretor do filme 007 - Casino Royale, de 2006, esclareceu um assunto que circulava a produção do filme desde 2019, quando o ator Henry Cavill disse, em entrevista à revista Men's Health, que havia feito o teste para interpretar James Bond no longa e foi rejeitado por estar acima do peso.

“Eu lembro do diretor, Martin Campbell, dizer 'você está um pouco gordinho, Henry'. Eu não sabia como treinar ou fazer dieta. Fico feliz que Martin disse algo, porque eu respondo bem à verdade. Me ajuda a melhorar", declarou Cavill na época. 

Contudo, em entrevista ao site CinemaBlend, o cineasta contou uma versão diferente sobre a audição do ator. "Eu realmente vi o teste dele para Bond, como você sabe. Ele fez uma audição muito boa, mas ele era muito jovem e não era tão experiente quanto Daniel [Craig]. Daniel se encaixava melhor por ser um ótimo ator, provavelmente o melhor entre todos ali", contou. 

 007 - Casino Royale foi o primeiro filme da franquia estrelado por Daniel Craig. 15 anos depois, o ator encerrou seu trabalho como o famoso agente secreto em 007 - Sem Tempo para Morrer. Em entrevista à Variety, a produtora Barbara Broccoli afirmou que "levará algum tempo" para que o próximo James Bond seja escolhido.

 

*Estagiária sob supervisão de Charlise Morais