Confira a lista dos artistas brasileiros indicados ao Grammy Latino

Redação - O Estado de S.Paulo

Iza foi indicada pelo álbum 'Dona de Mim' e Chico Buarque pela música 'As Caravanas'

Iza é uma das indicadas para o Grammy Latino 2018. 

Iza é uma das indicadas para o Grammy Latino 2018.  Foto: Amanda Perobelli/ESTADÃO

O Grammy Latino 2018 ocorre no dia 15 de novembro e, nesta quinta-feira, 20, a premiação revelou seus indicados – e há vários brasileiros na lista.

Artistas do Brasil figuram já nas categorias principais, como Gravação do Ano e Álbum do Ano. Na primeira, a música É Fake (Homem Barato), da cantora brasileira Anaadi, concorre com cantores como J Balvin, Nicky Jam e Jorge Drexler. Já na escolha do melhor álbum, Chico Buarque e seu Caravanas enfrentam nomes como Luis Miguel e Kany García. Anaadi, aliás, também concorre na categoria Artista Revelação. 

Nas categorias específicas de língua portuguesa, figuram artistas como Iza, Erasmo Carlos, Ana Vilela, Rubel, Lenine, Chitãozinho & Xororó e Michel Teló. Já nas categorias que englobam músicas de vários idiomas, as representantes brasileiras são Anitta e Pabllo Vittar.

Iza compartilhou em suas redes sociais um vídeo do momento em que recebe a notícia da indicação. Ao ouvir a novidade por telefone, ela começa a chorar. 

 

Confira abaixo a lista de todos os brasileiros indicados:

Álbum do ano

Prometo – Pablo Alborán

Vibras – J Balvin

Caravanas – Chico Buarque

Salvavidas De Hielo – Jorge Drexler

Siguiente – El David Aguilar

Soy Yo – Kany García

Musas (Un Homenaje Al Folclore Latinoamericano En Manos De Los Macorinos), Vol. 2 – Natalia Lafourcade

¡México Por Siempre! – Luis Miguel

Encanto Tropical – Monsieur Periné

Cuando El Río Suena... – Rozalén

 

Melhor Álbum de Pop Contemporâneo em Língua Portuguesa

Noturno – Anaadi

Amor É Isso – Erasmo Carlos

Dona de Mim – Iza

Ana Vilela – Ana Vilela

Xenia  – Xenia

 

Melhor Álbum de Rock ou de Música Alternativa em Língua Portuguesa

 Recomeçar  – Tim Bernardes

Relax  – Kassin

Lenine em Trânsito  – Lenine

Casas  – Rubel

Ecos do Acaso e Caos de Caos  – Jay Vaquer

 

Melhor Álbum de Música Sertaneja

Sentimento de Mulher  – Solange Almeida

70 Anos  – As Galvão

Contraste  – Naiara Azevedo

Elas em Evidências  – Chitãozinho & Xororó

Dois Tempos, Parte 2  – Zezé Di Camargo & Luciano

Sou do Interior (ao vivo)  – Fernando & Sorocaba

Bem Sertanejo – O Show  – Michel Teló

 

Melhor Álbum de Música de Raízes em Língua Portuguesa

Daquele Jeito  – Anastácia

Mariza  – Mariza

+AR  – Almir Sater & Renato Teixeira

Fitxadu  – Sara Tavares

Borghetti Yamandu  – Borghetti Yamandu

 

Melhor Canção em Língua Portuguesa

Aliança  – Pedro Baby, Pretinho Da Serrinha & Tribalistas, songwriters (Tribalistas)

 Aponte  – Nanda Costa, Lan Lanh & Sambê, songwriters (Maria Bethânia)

 As Caravanas  – Chico Buarque, songwriter (Chico Buarque)

Convite Para Nascer de Novo  – Erasmo Carlos, Dadi & Marisa Monte, songwriters (Erasmo Carlos)

Para Que Me Chamas?  – Lucas Cirillo & Xenia, songwriters (Xenia)

 

Melhor Fusão/Interpretação Urbana

Mi Gente - J Balvin Con Willy William Featuring Beyoncé

Internacionales - Bomba Estéreo

Yo contra Ti - Ayo

Sua Cara - Major Lazer Featuring Anitta & Pabllo Vittar

Malamente - Rosalía

 

Melhor canção "urban" - prêmio para compositores

Downtown - Anitta, J. Balvin, Justin Quiles & Alejandro Ramírez

Dura - Daddy Yankee, Urbani Mota Cedeño, Juan G. Rivera Vazquez e Luis Jorge Romero

Mi Cama - Rene David Cano, Andy Clay, Karol G, Antonio Rayo e Omar Sabino

Sensualidad - J Balvin, Bad Bunny, Juan M. Frías, Luian Malave, Prince Royce, Edgar Semper e Xavier Semper

X - J. Balvin, Nicky Jam & Juan Diego Medina Vélez