'Como vou me apropriar de um discurso que não é meu?', diz Kéfera sobre críticas de Samara Felippo

Redação - O Estado de S.Paulo

Samara havia comentado o fato de a youtuber não falar sobre racismo em vídeo sobre transição capilar

Youtuber Kéfera e atriz Samara Felippo

Youtuber Kéfera e atriz Samara Felippo Foto: Instagram/@kefera|Instagram/@sfelippo

A youtuber Kéfera postou vídeos em seu Instagram nessa segunda-feira, 4, para se defender das acusações que recebeu de Samara Felippo na segunda-feira, 4, pelo conteúdo de dois vídeos, postados no começo de maio, em que contava a experiência de assumir o cabelo natural.

“No vídeo sobre transição eu não falo que a grande base do preconceito com o cabelo cacheado e crespo é o racismo. Por que eu não falo? Eu acho que seria muita hipocrisia da minha parte eu, como branca, tendo os privilégios que a gente sabe que o branco tem, estando dentro do padrão, começar a erguer a bandeira do racismo, que é uma coisa que eu não sofro”, justificou Kéfera.

Na última segunda-feira, 4, Samara Felippo havia criticado Kéfera por não falar de racismo em seu vídeo: “Quando a Kéfera fala só dela, do que ela passou, e não fala sobre racismo, isso sim é grave”.

“Eu chamei as meninas do [canal no YouTube] Papo de Preta, que são duas meninas negras para, aí sim, falar sobre racismo porque eu não sofro racismo, como é que eu vou me apropriar de um discurso que não é meu e tirar o destaque de quem realmente sofre?”, argumentou.

Samara ainda havia contestado o fato de Kéfera ter cabelo cacheado, por isso a youtuber falou sobre as diferentes graduações de cabelos crespos e cacheados: “Existem tipos de cachos: 2a, 2b, 2c. 3a, 3b, 3c. Aí vai para os crespos: 4a, 4b e 4c. Obviamente meu cabelo não é crespo, mas fica ali entre um 2c e um 3a”.