Christina Ricci diz em entrevista que Johnny Depp a ensinou sobre homossexualidade

Jéssica Lopez - Especial para o Estadão

Em entrevista ao programa de rádio de Andy Cohen, atriz revelou que o fato aconteceu no set do filme 'Minha Mãe é Uma Sereia'

A atriz Christina Ricci, em entrevista, diz que Johnny Depp ensinou sobre homossexualidade

A atriz Christina Ricci, em entrevista, diz que Johnny Depp ensinou sobre homossexualidade Foto: Instagram/@riccigrams

 

Em entrevista ao programa de rádio de Andy Cohen, Christina Ricci, revelou que no set do filme de 1990 Minha Mãe é Uma Sereia, o ator Johnny Depp a ensinou sobre homossexualidade.

A produção foi seu primeiro grande trabalho no cinema e a atriz contracenava com Wynona Ryder, que na época namorava Depp. A intérprete de Wandinha, do clássico filme A Família Addams, explicou que, na ocasião, houve uma discussão entre algumas pessoas no estúdio de gravação e, em certo momento, Christina ouviu alguém dizer a palavra ‘homofóbico’.  

"Eu estava no trailer com a Wynona e ela disse: 'Eu não sei como explicar', então ela me colocou no telefone com o Johnny. E ele me explicou", relembrou Christina.

“É quando um homem quer fazer sexo com outro homem. E quando uma mulher quer fazer sexo com outra mulher. E eu falei: 'Okay'", contou a artista que ressaltou que Johnny Depp explicou tudo da maneira mais simples possível.

Andy Cohen achou engraçado esse fato pela razão da cantora Cher, que também fazia parte do elenco do longa, não ter sido consultada sobre a questão na época.  "Amo o fato de que Wynona Ryder te colocou no telefone com o Johnny Depp para que você ouvisse essa história que ela não conseguiu falar de outra forma. Ou, quer dizer, vocês tinham a Cher no camarim ao lado”, disse o apresentador.

Cher é considerada uma grande representante para a comunidade LGBT+. Relembrando o fato, Christina Ricci concordou com o apresentador e disse que ela e Wynona deveriam ter consultado a cantora: "Sim, eu sei, deveríamos ter corrido para o camarim de Cher".