Cartas de Obama quando jovem para ex-namorada estão disponíveis

Redação* - O Estado de S.Paulo

Textos escritos pelo ex-presidente na faculdade mostram um rapaz indeciso com as escolhas que acabariam mudando o rumo da História

Universidade liberou o acesso aos textos para pesquisadores

Universidade liberou o acesso aos textos para pesquisadores Foto: Pixabay / @janeb13

Cartas escritas por Barack Obama quando cursava a faculdade para uma ex-namorada serão arquivadas pela Universidade Emory, nos Estados Unidos, para pesquisas futuras sobre a vida do ex-presidente.

As nove cartas foram escritas para Alexandra McNear, namorada de Obama na faculdade. O material estava sob a posse da instituição desde 2014, mas só agora a informação pôde ser revelada.

O conteúdo mostra um jovem que questiona seu lugar no mundo e seu papel de líder social que, futuramente, o levaria a se tornar o primeiro presidente negro dos Estados Unidos.

“Não estou tão convicto de minhas ideias quanto estava na escola, mas elas possuem um peso e um imediatismo que talvez sejam mais úteis se e quando eu me tornar mais observador e mais participativo”, escreveu Obama em 1984.

Em outra passagem, ele se questiona se o salário de um líder comunitário seria o bastante para se sustentar e cogita trabalhar em uma corporação tradicional.

“Elas [as cartas] contam a história de um jovem que procura significado e propósito na vida”, explicou Rosemary Magee, diretora da biblioteca onde os documentos ficarão preservados. “Obama tentava descobrir qual seria seu papel, tanto naquela época quanto futuramente”.

As cartas também tratam um pouco do relacionamento de Barack e Alexandra. Em 1983, chegou a declarar que tinha sentimentos confusos com relação a ela: “Parece que sempre vamos querer o que não podemos ter; é isso que nos une; é isso o que nos separa”.

*Com informações da Associated Press